Publicações

Nossas publicações se ocupam sempre da temática da leitura, seja  em meio impresso ou digital. Com o selo  Leituras & Leitores , publicamos em regime de coedição com editoras de alcance nacional, contribuindo com nossa expertise na produção das pesquisas e a editora com sua estrutura de impressão, divulgação e distribuição.

O objetivo é fomentar tanto a divulgação de estudos significativos que ainda não alcançaram um grande público, quanto veicular pesquisas estrangeiras já consagradas internacionalmente sem tradução em língua portuguesa.

Conheça as nossas publicações!

O selo Leituras & Leitores viabiliza a publicação de livros da área da leitura que atendam a públicos específicos, como pesquisadores, comunicadores, professores e educadores. A coleção se desdobra em três sub coleções : Formação, Múltiplas Linguagens, Teoria e Prática.

 

Apresenta a leitura como um exercício que não se limita à linguagem escrita e que abrange diversas linguagens com as quais lemos e escrevemos o mundo: do grafite ao cinema, das artes plásticas ao design, da arquitetura às cidades

 

 

LEITURA DIGITAL

Eliana Yunes e Alessandro Rocha

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 155 páginas

O livro Leitura Digital, organizado por Eliana Yunes e Alessandro Rocha reúne aspectos da pesquisa de Karin Thiele Q. Dracxler e de Sérgio Ricardo França da Silva sobre a leitura e seus novos suportes. A obra enfoca um tema de interesse para diferentes áreas de estudo, em especial, Comunicação Social, Informática, Design, Leitura e Literatura. Trata de dois textos de naturezas distintas, mas que dialogam entre si na medida que a primeira parte cuida mais do impacto das tecnologias digitais e da cibercultura na cognição, relações sociais, e produção do conhecimento sob o viés teórico, enquanto que a segunda parte trata do eBook, mais no viés técnico, terminando, inclusive com sugestões de ordem prática para a preparação de um livro impresso em livro eletrônico, o ePub.

A LEITURA PELO OLHAR DO CINEMA

Eliana Yunes 

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 155 páginas

A literatura contemporânea incorporou muito da linguagem cinematográfica. Estes recursos são mais uma expressão de um modo de viver por descontinuidades e cortes, próprio da atualidade. A maioria do público, não dispondo da experiência ativa da narratividade cuja recepção inclui silêncio e reflexão elaborada, não se vê habilitada para a leitura, o tal ler levantando a cabeça , no dizer de Barthes, tratando da literatura. No cinema, a economia de tempo de leitura supõe uma perspicácia ágil para suprir a rapidez com que as imagens se movem; a leitura visual que parece óbvia (para os incautos), revela-se igualmente exigente ler os planos, as sequências, o enquadramento, olhares e gestos, além das legendas e sons.

Apresenta uma série de reflexões que teorizam a formação de leitores e avaliam as práticas sob o olhar atento e crítico, apontando possíveis encaminhamentos a partir de experiências anotadas na ação e reflexão. Obras para os que formam mediadores de leitura.

MAPA DO MUNDO: crônicas sobre leitura

 Martha Morais da Costa

coedição Editora Leitura
 
brochura / 16 x 23cm / 236 páginas.
 
Num mundo complexo, onde tudo nem sempre é o que aparenta e depende do olhar e da interpretação de cada um, a leitura é a bússola.
Na bagagem, os passageiros levam suas histórias e a vontade de aprender. Mapa do mundo é um companheiro na viagem de busca por novas perspectivas para nossa história.

BIBLIOTECA E AÇÕES DE LEITURA

Eliana Yunes e Alessandro Rocha

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 204 páginas

A biblioteca não é uma caixa fechada, é um lugar de convívio polifônico e arrebatador. Essa é a compreensão que emerge dos textos que compõe o livro Biblioteca e ações de leitura. Organizado por Eliana Yunes e Alessandro Rocha o livro reúne monografias de Ruben Pérez-Buendía, Bárbara Andréa Anaissi Mello e Elizabeth Machado Soares resultantes do Curso de Especialização Leitura: teoria e práticas realizado na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, promovido pela Cátedra UNESCO de Leitura PUC-Rio. O livro almeja contribuir para ampliar a visão do campo de ação da Biblioteconomia, uma vez que mostra não só atividades, tarefas, serviços, mas o papel transformador da ação como projeto, como política, como desejo e realização. Revela uma práxis, uma pedagogia da leitura enquanto possibilidade aberta à Biblioteca.

Apresenta uma série de reflexões que teorizam a formação de leitores e avaliam as práticas sob o olhar atento e crítico, apontando possíveis encaminhamentos a partir de experiências anotadas na ação e reflexão. Obras para os que formam mediadores de leitura.

A TRANSPOSIÇÃO DA FÁBULA CLÁSSICA

Ismael dos Santos

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 325 páginas

Debruçado sobre uma tradição larga e onipresente, vasculha as referências sobre a fábula no ocidente, revisitando uma longa bibliografia de modo atento e crítico para entender sua permanência entre os saberes, num mundo digital; em seguida promove uma leitura sistematizada da fábula brasileira, discutindo questões polêmicas como intencionalidade, estratégias argumentativas e moralidades.

MADE IN EUROPE, Lido no Brasil

Jorge de Souza Araújo

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 96 páginas

Este livro é fruto de uma pesquisa que situa a questão do acesso à leitura em nosso período colonial brasileiro, os impedimentos religiosos e estatais à livre expansão do acesso, produção e consumo do livro. No capítulo “Leitores padres, médicos, bacharéis, militares”, ao lado do apontamento distintivo das classes sociais com acesso à leitura, indica também a natureza censória na circulação dos livros, a solidez do confinamento intelectual nas províncias e o rigor determinista que cercava a atividade leitora. Traz ainda um índice remissivo de alguns autores e títulos que frequentaram as estantes brasileiras da época.

A ILUSTRAÇÃO VITAL, Ortega y Gasset e o desenvolvimento de uma sociedade leitora.

Jéferson Assumção

coedição Editora Bestiário e Fundação Ortega y Gasset.

brochura 16,0 x 23 cm / 215 páginas

A Ilustração Vital- Ortega y Gasset e o desenvolvimento de uma sociedade leitora, de Jéferson Assunção, é uma obra muito relevante para pensar a leitura, porque além da base filosófica consistente é, ao mesmo tempo, oriunda de uma episteme muito pouco explorada , a de Ortega y Gasset, que o autor desenvolve no leitor com grande habilidade e faz confluir para o horizonte contemporâneo da ênfase no leitor com seus repertórios de vida; para estabelecer um diálogo com acervos da cultura.

Apresenta os diferentes modos, perfis e histórias de formação de leitores através de entrevistas, depoimentos, crônicas, ensaios, análises literárias e críticas com o objetivo de conhecer e compreender a questão da Leitura.

LER E FAZER.

Eliana Yunes 

coedição Editora Reflexão

brochura 16,0 x 23 cm / 152 páginas.

Coletânea de textos que fizeram parte do Proler e trazem um diálogo sensível com a prática diária de seu público interlocutor: formadores e mediadores de leitura, como professores, bibliotecários, autores. Através de registros de vivências da leitura, os textos buscam uma expressão menos formal e mais lúdica que dê conta da teoria e da prática, sem academicismos e sem receitas.

MONTEIRO LOBATO: IDEIAS AO INFINITO

Eliana Yunes (org.)

 
coedição Editora Reflexão / 2011 / orelhas Alessandro Rocha
brochura / 16 x 23cm / 252 páginas

Pesquisadores das áreas de Letras, Comunicação, Filosofia, Antropologia, Artes & Design e Teologia se debruçam, na obra de Monteiro Lobato, olhando-a em perspectiva e estabelecendo diálogos criativos e instigantes. Somente esse exercício justificaria uma obra como esta. Contudo, Monteiro Lobato: ideias ao infinito vai mais longe ao fazer uma ponte sobre dois mundos, aparentemente tão distantes: o universo da pesquisa e seus rigores, e o reino da literatura infantil e juvenil.

Partindo de uma dinâmica interdisciplinar, Monteiro Lobato: ideias ao infinito expõe em três blocos o Lobato escritor, pedagogo e o homem público. Como facetas de uma obra complexa, tais dimensões remontam o perfil de um pensador que contribuiu definitivamente para a criação de um novo imaginário, a partir do qual a criança pode ser redimensionada nos âmbitos literários e político-pedagógicos

 

 

 

 

 

Coordenação Pedagógica Nacional do projeto que envolveu o desenvolvimento de metodologia e material para a formação de agentes de leitura em diversos estados e municípios brasileiros.

Coordenação do Projeto: Eliana Yunes, Maria Helena Ribeiro e Nilza Rezende

Resultados:

  • Agentes formados: 1.422 (localmente)| 423(a distância)
  • Supervisores locais formados:68
  • Livros produzidos para utilização do agente e do supervisor: 03

ALMANAQUE DO AGENTE DE LEITURA

Eliana Yunes e Nilza Rezende (orgs.)

 2012 / brochura / 19,5 x 25,5cm / 204 páginas

Almanaque traz essencialmente experiências de leitura: de como um livro pode nos levar a uma canção, um filme, uma dança, uma peça teatral, uma pintura, uma instalação artística e nos trazer de volta para o mesmo ou para outro livro, que poderá nos levar, ainda, para uma história narrada pela voz dos contadores de histórias. O que vale é tornar essa experiência uma possibilidade de encontro com o outro, com o mundo e consigo mesmo.

Que este livro sirva de inspiração para o trabalho daqueles que promovem leitura pelo Brasil.

 

 

LEITORES A CAMINHO: formando agentes de leitura

Eliana Yunes (org.)

brochura / ilustrado / 19,5 x 25,5cm / 188 páginas

Este livro tomou mais de um ano de conversas. Ele traz novidades antigas… o que pode parecer uma contradição, mas não é. Para os que amam ler e desejam seduzir outros tantos pela experiência comovedora de encontrar-se a si mesmo em diálogo com textos que se abrem ao mundo, a grande novidade é que muitas vivências antigas permanecem novas e revolucionárias… Talvez seja a coleta dessas permanentes novidades sobre a leitura que guardam o frescor da descoberta, o grande móvel do livro que os autores entregam aos mediadores de leituras, aqueles que anonimamente construíram estes saberes que não perdem

 

Projeto agentes de leitura dando conta do caminho

Desenvolvida pela Hum. Publicações a partir da parceria com a Cátedra de Leitura da Unesco e o Instituto Interdisciplinar de Leitura – iiLer,  a Coleção Mediações é uma materialização de desejos e intenções de mentes que entendem que a leitura, em seus diversos âmbitos, deve ser uma prática ainda mais presente no cotidiano.

Conheça os sete livros do box: 

  • “Professor leitor: uma aprendizagem e seus prazeres”, de Eliana Yunes
  • “Formação de mediadores de leitura: o sentido entre o texto e seu leitor”, de Alessandro Rocha
  • “Formação do leitor: uma questão de jardinagem”, de Maria Clara Cavalcanti
  • “Leitura no trabalho: destravando línguas, olhares, pensamentos”, de Gilda Maria Rocha de Carvalho e Thatty Castello Branco
  • “Que histórias contar para os filhos?”, de Rosana Kohl Bines
  • “Roteiros de leitura na escola: da biblioteca escolar à sala de aula”, de Rubén Pérez-Buendía
  • “Hoje se lê o espetáculo? Lê, sim, senhor!”, de Marta Morais da Costa

Seja você professor, estudante, pai ou mãe, avô ou avó, filho ou filha, vai encontrar na Coleção Mediações caminhos, reflexões, inspirações e grandes questões da leitura e sua mediação. 

 

 

 

 

 

MANUAL DE REFLEXÕES SOBRE BOAS PRÁTICAS DE LEITURA

Daniela B. Versiani, Eliana Yunes e Gilda Carvalho

coedição Unesp Editora / 2012
 brochura / 14 x 21cm / 168 páginas

Este livro, preparado com base no exame de cerca de 5.800 projetos de leitura em andamento no Brasil, é construído de pequenos verbetes articulados entre si, que poderão ser lidos conforme as necessidades e os interesses do leitor.

Defendendo o pressuposto de que a leitura pode ser uma experiência prazerosa, seus autores não descuidam, porém, da necessidade de firmar alguns conceitos e, em última análise, solidificar uma base teórica consistente sobre o ato de ler, na primeira parte do livro. Completamente sintonizado com a contemporaneidade, o Manual aborda ainda a vantagem de estimular a leitura não apenas no ambiente escolar, mas também em outros espaços (como a biblioteca e a família), focalizando a relevância de formar leitores em linguagens e mídias diferentes. Além disso, inclui listas de sugestões de filmes, livros e textos teóricos cujos temas focalizam a leitura, os livros e a importância do ato de ler.

LIVRO ILUSTRADO: palavras e imagens

Maria Nikolajeva e Carole Scott
 
coedição Cosac Naify / trad. Cid Knipel / orelhas Luiz Antonio L. Coelho
 brochura / 16 x 24cm / 368 páginas
 
Renomadas no meio acadêmico, Maria Nikolajeva e Carole Scott escolheram a semiótica, associada à narratologia, como linha de pesquisa para a análise do livro ilustrado. As autoras conduzem o leitor para uma esclarecedora compreensão do significado das imagens dentro da história. A dupla analisa livros de autores que nos são conhecidos – como Maurice Sendak, John Burningham, Dr. Seuss e Beatrix Potter – além de trazer preciosidades da literatura sueca e dinamarquesa, ainda desconhecidas do público brasileiro – Barbo Lindgren, Eva Eriksson, Tord Nygren, entre outros. A edição brasileira contém páginas em papel diferenciado com imagens internas coloridas de alguns livros citados. O resultado final é surpreendente: nunca as fronteiras que separam a literatura das artes visuais foram tão ameaçadas.

Monteiro Lobato : o Reino de Deus para os pequenos

Alessandro Rocha

coedição GARIMPO / 2017
 brochura / 14 x 21 cm / 186 páginas

A hermenêutica desta bela e serena aventura pelo pensamento lobatiano, traz uma contribuição nova, por apontar não apenas a epistemologia em que Lobato se inserira, mas por elucidar um tipo de permeabilidade do pensamento de Cristo presente nos valores da humanidade, reconhecível nas posições do escritor, apesar das distorções denunciadas no pensamento pós-metafísico e por D. Benta, senhora tolerante e lúcida, além de lúdica em suas apreciações sobre a História. Melhor que tudo, é ver que a literatura tida como infantil, é capaz de aportar a densidade de uma reflexão teológico-estética. O livro é uma contribuição para dar a ver um Lobato em uma grandeza peculiar, justo a propósito de seu diálogo com crianças, sobre temas caros à teologia, à ciência. Como se abriu ao conhecimento, com “a pitada de sal da dúvida”, permanece viva sua narrativa e seu diálogo com a posteridade. O que sabemos é provisório, mas ajuda muito a lidar com a realidade.

TEOLOGIA E LITERATURA FANTÁSTICATEOLOGIA E LITERATURA FANTÁSTICA

A redenção na Trilogia Cósmica de C.S.Lewis

Marcio Simão de Vasconcellos

Coedição Editora Reflexão / 2017

Brochura / 16 x 22 cm / 239 páginas

 

Neste livro o autor analisa o tema da redenção a partir do entendimento da fé cristã ao longo dos séculos, pretendendo recuperar uma imagem de Deus aproximada da mensagem revelada por Jesus de Nazaré, um Deus cheio de misericórdia.

Esta análise, porém, é vinculada aos textos de C.S.Lewis, em especial de sua Trilogia Cósmica, demonstrando como o tema da redenção é também tratado por aquele autor, em uma frutífera relação entre a Teologia e a Literatura.

CONSIDERAÇÕES SOBRE A POESIA GOIANA

Giovana Bleyer Ferreira dos Santos, Goiandira Ortiz e Jamesson Buarque (organizadores)

Cânone Editorial / 2018

Brochura / 16 x 23 cm / 223 páginas

Este livro reúne textos que tratam da poesia goiana com uma visão ora teórica, ora de história literária. Juntos, representam um estudo sobre a produção poética dos últimos 50 anos e propiciam uma interação entre a crítica acadêmica e escrita de poesia no Estado de Goiás.

Produzidos por pesquisadores e convidados da Rede Goiana de Pesquisa em Leitura e Ensino de Poesia e outros convidados, o livro recebeu o apoio da FAPEG e a chancela da RELER – Rede de Pesquisa Avançada em Leitura, do Instituto Interdisciplinar de Leitura da PUC-Rio.

O DIREITO À LITERATURA

Aldo de Lima (organizador)

Editora Universitária da UFPE / 2012

Brochura / 15 x 22 cm / 160 páginas

 

O livro é a primeira publicação do Mestrado em Direitos Humanos da Universidade Federal de Pernambuco e reúne textos que partem da pergunta: qual é a relação entre a Literatura e os direitos humanos? Insere-se no livro, o ensaio do professor Antônio Cândido que o nomeia. Os ensaios reunidos problematizam a Literatura em suas relações históricas e discutem sua funcionalidade e comprometimento social.

A PROPÓSITO DA METÁFORA

Aldo de Lima (organizador)

Editora Universitária da UFPE / 2014

Brochura / 15 x 22 cm / 300 páginas

 

Este livro reúne 8 ensaios que pretendem contribuir com o debate sobre a metáfora na vida cotidiana a partir de olhares de diferentes campos do conhecimento: os estudos teóricos, linguísticos, literários, cognitivos e filosóficos.

livro eliane galvão PRODUÇÃO LITERÁRIA JUVENIL E INFANTIL CONTEMPORÂNEA – REFLEXÕES ACERCA DA PÓS-MODERNIDADE

Organização: Maurício Silva, Diana Navas e Eliane Aparecida Galvão Ribeiro Fonseca

Editora: BT Acadêmica

 Dialogar com outros textos literários ou mesmo textos pertencentes ao universo jovem – sejam eles da música, do cinema, da televisão – parece ter sido a forma encontrada de fazer ficção pelos autores de obras juvenis. Por meio da paródia, imitação, citação, pastiche, entre outros, os textos destinados aos leitores em formação, na contemporaneidade, apresentam-se repletos de ecos intertextuais, revelando-se como um mosaico de citações e alusões a outros textos, uma escrita sobre a escrita, a qual faz apelo à natureza associativa do pensamento humano, possibilitando a reconstrução de um todo a partir dos fragmentos armazenados na memória.

Publicações II Simpósio Internacional de Leitura

 

Leitura, Desenvolvimento e Inclusão

No livro Leitura, Desenvolvimento e Inclusão podem ser encontrados os textos das Conferências e Mesas realizadas durante o II Simpósio Internacional de Leitura. Clique no livro para ir direto ao site da Editora Reflexão onde poderá adquiri-lo.

 

Leitura e Educação

Leitura e Educação é o Primeiro Volume da Série Anais do II Simpósio Internacional de Leitura. Organizado por Alessandro Rocha e Valéria Cristina Pereira, ele traz as comunicações apresentadas no Eixo Leitura e Educação durante o Simpósio e as considerações de Conferencistas e Debatedores sobre o tema. Clique no Livro para fazer download gratuitamente!

Leitura e Novas Tecnologias

Leitura e Novas Tecnologias é o Segundo Volume da Série Anais do II Simpósio Internacional de Leitura. Organizado por Alessandro Rocha e Taiza Mara Rauen Moraes, ele traz as comunicações apresentadas no Eixo Leitura e Novas Tecnologias durante o Simpósio . Clique no Livro para fazer download gratuitamente!

 

 

Leitura , Infância e Cultura Popular

Leitura, Infância e Cultura Popular é o Terceiro Volume da Série Anais do II Simpósio Internacional de Leitura. Organizado por Alessandro Rocha , Goiandira Ortiz de Camargo e Hugo Monteiro Ferreira, ele traz as comunicações apresentadas nos Eixos Leitura , Infância e Juventude e Leitura e Cultura Popular. Clique no Livro para fazer download gratuitamente!

Fale com o iiLer

Nós não estamos por perto agora. Mas você pode nos enviar um e-mail e responderemos o mais cedo possível.

Enviando

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC-RioRua Marquês de São Vicente, 225, Gávea - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Cep: 22451-900 - Cx. Postal: 38097 | Telefone: (55 21) 3527-1001PUC-RIO © 1992 - 2018. Todos os direitos reservados.

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

Pular para a barra de ferramentas